Licor de romã caseiro

Mais populares

Há qualquer coisa de especial nos licores caseiros, que faz com que o seu sabor seja mais cativante que uma versão comprada. Muita gente concorda com isto, e, portanto, não é de admirar que se façam muitos licores caseiros no nosso país. Hoje, mostramos-lhe como fazer um saboroso licor de romã caseiro, que não lhe dará muito trabalho na sua preparação, mas que lhe dará muito prazer quando o for consumir.

Afinal, fazer licor em casa não tem muito que se lhe diga, até porque o processo de preparação é praticamente sempre o mesmo. Portanto, uma vez que aprenda a fazer uma receita, estará apto a adaptá-la com os mais diversos ingredientes, personalizando ainda mais as suas bebidas.

A romã

É um fruto muito consumido em todo o mundo, cativando pelo seu sabor, pela sua cor e pelo seu formato. A romã é rica em cálcio, ferro, potássio e vitamina C, sendo consumida desde tempos imemoriais. Neste caso, este licor de romã caseiro é a forma perfeita de aproveitar alguma desta fruta que tenha por casa, permitindo dar-lhe uma nova vida sem que para isso tenha que perder muito do seu tempo. Além disso, o seu licor ficará com uma cor muito agradável.

O processo de maceração

A base de qualquer licor caseiro é a maceração, que pode durar mais ou menos tempo consoante os ingredientes que foram utilizados. Neste processo, a sua aguardente vai ganhar o sabor do fruto, o que é muito importante para garantir que o resultado final sai bem. Portanto, irá colocar a aguardente num frasco, com os bagos da romã lá dentro. Sele bem o frasco, para garantir que não há contaminação de bactérias, e depois guarde-o num local fresco e seco durante no mínimo dois meses e meio. Lembre-se que, quanto mais tempo o fruto estiver a macerar, mais sabor vai ter a aguardente. Para que o processo corra bem, deverá ir, de vez em quando, agitar o frasco da aguardente, para um sabor mais uniforme.

A calda de açúcar

Após o tempo de maceração do seu licor de romã caseiro, deverá coar a aguardante, de modo a que possa descartar os bagos de romã. Depois, faça uma calda de água e açúcar, que vai dar um toque doce ao resultado final. Deverá deixar arrefecer um pouco a sua calda, antes de a juntar à aguardente. Mexa bem para incorporar todos os ingredientes. Neste ponto, já poderá colocar o seu licor de romã numa garrafa, fechando-a para garantir uma ótima conservação. Se quiser, pode ir abanando a garrafa de licor de vez em quando, ou antes de o servir, para garantir que o açúcar fica disperso na preparação.

Como pode personalizar o seu licor de romã caseiro?

Para dar um sabor diferente ao seu licor de romã caseiro, pode utilizar algumas especiarias durante a fase de maceração. Algumas boas opções são paus de canela, cravinho ou até algumas estrelas de anis. A aguardante ganhará também o sabor dessas especiarias, complementando o sabor da romã. Apenas deverá ter o cuidado de não usar especiarias em demasia, para o seu sabor não se sobrepor ao da fruta. Outra forma de dar sabor ao licor é usando ervas, tal como a hortelã. Deverão também ser colocadas na fase de maceração, e retiradas ao mesmo tempo que os bagos de romã.

Posso servir o licor com o quê?

Este licor de romã caseiro é muito versátil e fica muito bem com os mais diversos pratos, de refeições completas a doces. Poderá experimentá-lo com o nosso arroz de camarão com queijo, com as nossas amêijoas com molho de tomate ou com a nossa tarte de pêssego rústica.

Ficou com vontade de fazer este licor de romã caseiro? Depois, diga-nos como correu. Bom apetite!

Licor de romã caseiro

Um licor com um sabor muito especial
Preparação 5 mins
Cozedura 5 mins
Total 10 mins
Refeição Licor
Cozinha Portuguesa

Ingredientes
  

  • 2 romãs
  • 0,7 litros de aguardente
  • 500 g de açúcar
  • 1/2 litro de água

Preparação
 

  • Coloque os bagos de romã a macerar na aguardente, dentro de um frasco, por dois meses e meio. Vá abanando o frasco de vez em quando.
  • No final desse tempo, faça uma calda com a água e o açúcar. Deixe arrefecer um pouco.
  • Coe a aguardente e junte-a à calda. Mexa bem para incorporar e guarde tudo nas garrafas de licor.

Dicas

  • Na fase de maceração, guarde o frasco com a aguardente e romã num local fresco e seco.
  • A calda quer-se cremosa, para dar um toque aveludado ao licor.
  • Pode ir abanando as garrafas de licor de vez em quando para voltar a dispersar o açúcar.
Artigo anteriorPoncha da Madeira
Próximo artigoBatido de melão cremoso

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui

Mais recentes

Receitas semelhantes